Nós somos África!

Quando os portugueses escravizavam africanos, havia a pretensão de apagar toda a memória e cultura desses povos. Eles eram separados de suas famílias, misturados com grupos que falavam línguas diferentes, eram obrigados a se converter ao catolicismo e a adotar nomes europeus. Contudo, o contado com esses povos fez com que as culturas africanas se misturassem com as da região. Por isso encontramos vários elementos de origem africana na cultura brasileira. Você já percebeu isso?

E aí? Você já sabia que fala línguas de origem africana? Pois é! No nosso dia-a-dia nós usamos muitas palavras de origem africana.

“Vamos à praia de tanga ou sunga, carregamos a canga na mochila, calçamos tamanco. Brincamos o carnaval da Bahia com abadá, ou dançamos samba com muita ginga, embalados pela cuíca, agogô e ganzá. Comemos caruru e mocotó, botamos dendê no acarajé e no vatapá… Fumamos cachimbo, bebemos água de moringa, damos um pito, tomamos um gole de cachaça, usamos carimbo e não gostamos de camundongo.”

A Cor da Cultura, Mojubá, Programa 5 – Literatura e Oralidade

A herança africana também se faz presente na música. O Samba de roda, por exemplo, é uma dança trazida pelos negros do Congo e de Angola para o Brasil. Nele deve-se fazer uma roda onde duas pessoas dançam no centro e ao trocar de vez com outra pessoa, dá uma umbigada em outro dançarino que vai para o centro. O batuque, que é um termo usado para caracterizar a ‘batida’ de diversos estilos musicais brasileiros é outro exemplo da influência africana, sendo originalmente um estilo de dança de roda e hoje é o tronco principal da música popular brasileira, considerando as suas variações e diversidades.

O samba foi por muito tempo discriminado devido as suas raízes, mas hoje ele se disseminou em diferentes estilos, como os vídeos abaixo permitem identificar:

O samba de raiz

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=SDk-D1as8eg

O samba partido alto:

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=lUdxbHbSdf4

O samba-enredo:

http://www.youtube.com/watch?v=9OcFHykhPK0 Depois de descobrir toda essa herança cultural. Que tal registrar alguns elementos da cultura africana que você vê no dia-a-dia? Que tal também fazer um dicionários e palavras de origem africana e assim ficar sabendo o quão rico é o seu vocabulário? Vamos nessa!

Anúncios